Alguém especial

jan 03 2015 Published by under Poesia

sol-na-janela

Alguém especial

*

Quando eu acordo de manhã

Vou à janela

O sol aos meus olhos se abre

Como o encanto da flor ao beija-flor

São notas de um violão sem cordas

Um espetáculo

Um show

Quando eu acordo de manhã

Que sinto que estou vivo

Procuro por uma foto

No armário

Dentro dos livros

Não a achando

Encontro-me perdido.

Comments are off for this post