A vida só tem sentido enrolada por uma missão

nov 01 2015 Published by under Motivacional

Qual é a sua missão? Você não tem uma? Você não sabe qual é a sua? Mas haverá vida que se sustente digna e austera na falta de uma primorosa missão? Algumas indagações que nos mostram em que chão nos colocamos em pé. Sonhar é o primeiro passo para um mergulho nesse mar invisível. Vive-se melhor aquele que idealiza um futuro diferente, ou o manso que deixa a vida passar conforme a música que alguém colocou para tocar? Ser dono da nossa rédea, ou ser puxado por outros feito a burro no cabresto e no freio? Uma vida sem missão é uma árvore estéril.

Conformar-se com as conquistas empenhadas, curtir as flores que em um dia lindo foram colhidas, acordar radiante com suas glórias passadas, deixar de se aventurar por achar satisfeito e farto. Não ter um propósito novo após o velho vencido faz da existência algo enfadonha e pesada. O homem que descansa satisfeito é um porco que engorda para o abate. Esperar pela morte faz do vivo um defunto antecipado.

Imagine em sua mente um filete a romper a dura rocha em uma montanha a mais de dois mil metros de altitude. Aquele pequeno ser lacrimejando sonha em uma honrosa e desafiadora missão: romper o infinito, desbravar lugares virgens, gastar toda a sua força, todos os seus dias, para quem sabe em um singelo entardecer abraçar o ser supremo que é o mar. Já pensou na frustração deste filete se lhe fosse apresentada uma imagem da exuberância do Velho Chico? Para muitos é frustrante vislumbrar as conquistas dos outros, mas para o filete seria mais um incentivo em pôr mais determinação e garra na conjuntura de se igualar, ou vencer, ao gigante São Francisco. Se o filete vai conseguir alcançar seu primordial objetivo, não se sabe, pois o futuro é uma carta que dependerá de muitas variáveis para se mostrar favorável. Uma coisa é certa, para o sonho se tornar vivo, a mente que o produziu precisará buscar mecanismos para trazê-lo à existência.

O descanso na zona de conforto faz do ser atuante em um mero espectador. Há mais brilho o artista que produz um filme do que os milhões de indivíduos que assistem ao resultado final de obra. Não são aqueles que detêm poder e riqueza somente que podem idealizar missões. Um objetivo gigante demais sai da esfera da razão para entrar na de uma fantasia, mas quantas fantasias não viraram realidade. Só saberemos o quanto poderemos avançar se lançarmos neste mato para tirar de dentro aquilo que procuramos. Haverá dia que um único passo será doloroso, difícil e sofrido; haverá dia que o recolhimento e o repouso será o melhor remédio; haverá ocasião que precisará analisar os passos pretéritos para talvez mudar a rota; haverá sempre algo a ser melhorado, sendo que a linha da vida não se faz de uma reta e sim de uma corda toda embaralhada que carece de um mágico para desfazer a bagunça.

Assim que o bebê abre os olhos para o mundo, Deus joga em seus braços uma missão anormal. Sorrindo ele a agarra. Pouco instante depois, a barriga cobra algo, sem outra opção deixa sair da garganta seu primeiro choro; a mãe corre e dá o leite, ele se acalma. Naquele momento, a criancinha venceu sua primeira missão, a de aprender a gritar pela comida, toda vez que estiver com fome ou com dor, o grito será a salvação. Logo aprenderá a falar mamã. Vendo a alegria nos rostos dos seus espectadores passará a falar mamã a todo instante. O pai com ciúme a ensinará a falar papá. A criança se animará com a missão, começará a produzir o som para alegria do pai. A mãe para pirraçar o esposo passará a ensiná-la a pronunciar: mamã, papá não. A criança sorridente falará para alegria dos pais. Neste ambiente de pequenas missões vencidas diariamente crescerá na mente do pequeno ser a necessidade de uma evolução contínua para o sucesso na vida, que será a busca por momentos de felicidades. Ser orgulhoso não é algo bom, todavia ter orgulho das suas conquistas é louvável.

Dando vida ao título deste texto: “A vida só tem sentido enrolada por uma missão”. Por que enrolada por uma missão? Para ter sentido, a vida precisa do recheio sabor missão. Na falta desta aromática fragrância o bolo fica insosso, inconsistente, sem tonalidade. O enrolada por uma missão tem duplo sentido, pois a missão terá que possuir um poder de passar a perna na vida, enrolar literalmente a vida se colocando como bem maior até do que a própria vida. Quando a pessoa sabe o que quer, quando ela deseja buscar e superar uma missão, o foco será somente um, mesmo se precisar ser gasto toda a vida, esta pessoa se jogará de corpo e alma, a vida estará, literalmente, enrolada pela missão.

Comments are off for this post