Archive for: dezembro 10th, 2018

A morte do cachorro Manchinha

dez 10 2018 Published by under Cordel

cachorro-manchinha

A morte do cachorro Manchinha

***

O mundo está perdido

Um mar de destruição

São tantas barbaridades

Que sequer pouparam o cão

O cachorro Manchinha

Perdeu a vida sem perdão.

 ***

Trinta de novembro foi o dia

Da crueldade sem razão

A cidade foi Osasco

Fizeram uso de um bastão

O animal agonizou

Sobre a fúria do cidadão.

 ***

A crueldade foi maior

Foi grande a perversão

Deram carne com chumbinhos

Sem atinar na comoção

Manchinha não sobreviveu

Indignando a Nação.

 ***

A empresa preocupada

Com o falecimento do cão

Tapou o sol com a peneira

Medo de perder um milhão

E ver seus clientes sumirem

Por um ato de judiação.

 ***

Somos todos pela vida

Do rato, do gato e do cão

Dos homens e das mulheres

Sem cor e sem religião

Pois o sol nasceu a todos

Sobre o julgo da união.

***

Autor: Luiz Carlos Marques Cardoso.

Comments are off for this post