Archive for: outubro 8th, 2016

A Ambição – História de Sertanejo

out 08 2016 Published by under Cordel

Assista ao Vídeo:

A ambição

***

É cada coisa que se ver

Neste mundo de meu Deus

Só mesmo vendo para acreditar

Na história que se sucedeu.

***

Numa cidadezinha do Sertão

Onde a vida dos outros interessa

O que passa corre em ouvido

Sorridente e com pressa.

***

Nesta terra como em outras

Os pecados vibram alados

Pulsam nas mentes e corações

Fazem dos seres meros coitados.

***

Uma mulher viu sentar

Um novo e afeiçoado cliente

Candidata a vereadora

Não se atentou para o evidente.

***

O homem de muita astúcia

Malandro por natureza

Entrou predeterminado

A usar de esperteza.

***

A coitada da mulher

Confiante no voto

Deu duzentos reais

Na esperança do pódio.

***

Deu também comida

Deu cerveja gelada

Deu sobremesa

Deu até carne assada.

***

O homem satisfeito

Com a pança forrada

Tendo o bolso gordo

Foi cumprir com o combinado.

***

Para azar da mulher

Ou sorte quem sabe

O amigo do homem adentrou

Para dizer a verdade.

***

Aquele malandro que aqui almoçou

Que bebeu de graça

É amigo meu

Vota em outra praça.

***

A mulher triste

Sem saber o que fazer

Desanimada ficou

Pois sabia que iria perder.

***

Quando as urnas foram abertas

Com o resultado nas mãos

Coube a mulher chorar

O esforço todo em vão.

***

Pois saiba, candidato

Gente nunca foi gente

Não espere voto nem de amigo

Quanto mais de parentes.

***

Um voto custa muito

Rouba a paz e o sossego

Acaba com a saúde

Levando ao desemprego.

***

Antes de se candidatar

Reflita no meu recado

Não entre nesta furada

Pule fora deste barco.

Comments are off for this post

Música – Paramirim sou louco por ti

out 08 2016 Published by under Músicas, Vídeos

Fizemos uma singela canção para homenagear nossa querida e bela Paramirim. A música é intitulada: “Paramirim sou louco por ti”. Nosso presente ao aniversário de 138 anos de emancipação política da nossa cidade.

Assista ao Vídeo:

Paramirim sou louco por ti

Paramirim no meu coração

Paramirim de muitos encantos

Paramirim é pura paixão

Paramirim terra primeira

Paramirim uma canção

Paramirim ave fagueira

Paramirim minha vereda

Paramirim o meu sertão.

Bis

Viva Paramirim

Viva, viva, viva Paramirim

Vivo nesta terra

Pintada por Deus

Amada por todos

Com muita emoção.

Comments are off for this post

História de Sertanejo – Falar é fácil

out 08 2016 Published by under Cordel

Ouça o Áudio:

Falar é fácil

***

Antes de sair por aí

A falar que vai fazer

Prepare primeiro uma cama

Macia e perfumada

Compre também um mosqueteiro

Adquira um ar-condicionado

Reserve uma gorda poupança

Tenha uma digna profissão

Levante seu quarto

Como acontece no casamento

Requer primeiro o esforço

Uma história de superação

E bastante talento

Aqueles que sonham

Preguiçosamente vendo a vida

Passar diante dos olhos

É como um papagaio

Fala sem saber o que diz

Diz o que não se realizará

Como na vida é no casamento

Antes da noiva

Antes de dizer palavras

Tenha um belo passado

Prepare uma cama

Para não cair do cavalo.

Comments are off for this post

História de Sertanejo – Dinheiro Correndo

out 08 2016 Published by under Cordel

Assista ao Vídeo:

Dinheiro correndo

***

De uma simples pergunta

De uma modesta indagação

Sem querer surge aos ouvidos

Uma engraçada criação

O fato que narro a seguir

Se deu na secura do Sertão

Com um homem qualquer

Artista por profissão

Tudo começou assim

Em conversa de irmãos

Vi falar que em sua cidade

Dinheiro corre de roldão

Na ponta da língua afiada

O outro responde com imaginação

Corre tão rápido o danado

Que não consigo ver um tostão.

Comments are off for this post