Archive for: julho 27th, 2013

Conspiração

jul 27 2013 Published by under Crônica

A escolha de abrir ou fechar a porta

O desejo

O poder de transformar ou deixar como está

Faz-se necessário ao espírito revolucionário dos grandes gênios que se sentem obrigados a abrir em vez de fechar e de transformar o arcaico ao invés da pura satisfação pautada no comodismo de uma vida improdutiva.

O sangue quente, ardente e pungente corre em alta rotação pelas veias dos obstinados. Não sabem parar, nem tão pouco se dão por vencidos, desbravam e fazem germinar prosperidade em seus rastros. A evolução humana se dá pelas mãos de poucos, desses que são tidos loucos, mas que na verdade são diferentes no grande rebanho que sem se dá conta são os pastores, são pingos coloridos dentro do mar de tonalidade única.

Dos sonhos se lançam na árdua e virgem tarefa de torná-los realidades, ou morrem tentando. Para esses iluminados não basta o brilho do rei Sol, da importância dos grandiosos do passado, para eles só há o desejo e a ânsia de brilharem em alto e exuberante tom, esse o singular motivo de estarem ainda com a vestimenta que dá forma e movimento ao homem.

O guerreiro que se lança em uma batalha, que arisca aquilo que tem de valor, a vida, não se estaciona para pensar na derrota, mas vibra só em imaginar o gostinho de ser o maior, o sabor dos louros da vitória. Viver ou morrer para eles não faz diferença alguma, o que vale é a luta diária, o calor pelo corpo, a fome por algo que não consegue descrever, mas que os obrigam a avançar sempre.

Sem esse apetite pela glória a humanidade seria um campo fértil por ervas daninhas, onde a preguiça e o medo imperariam e o atraso seria eterno.

Comments are off for this post